O Semesp – Sindicato das Mantenedoras de Ensino Superior vai reunir no próximo dia 15 de agosto, no Hotel Maksoud Plaza, em São Paulo, especialistas em inovação acadêmica, internacionalização e empreendedorismo com o objetivo de criar oportunidades para que mantenedores, gestores e professores de instituições de ensino superior possam conhecer cases inovadores e propor melhores práticas para aumentar a qualidade da gestão de suas IES, visando à sustentabilidade das mesmas.

“Atualmente a internacionalização é vista como um dos pontos mais fracos das instituições brasileiras, fator esse que reduz sua visibilidade e competitividade no cenário internacional. No último Boletim Ensino Superior Internacional, publicado pelo Semesp e Boston College, Karen McBride, presidente e CEO da Agência Canadense para o Ensino Superior Internacional (CBIE), falou sobre uma pesquisa feita em 2014 que mostrou que 95% das universidades canadenses indicaram a internacionalização ou o envolvimento global como parte do planejamento estratégico para alcançar o crescimento”, comenta o diretor executivo do Semesp, Rodrigo Capelato.

A Universidade de Harvard, por exemplo, de um total de 21 mil alunos, tem cerca de 5 mil estudantes estrangeiros (22,8%) e, do seu corpo docente, 38% vêm de outros países. A Universidade da Cidade do Cabo, na África do Sul, a quarta melhor do ranking dos Brics e países emergentes, exibe números semelhantes: 18,4% de estudantes e 25,8% de docentes estrangeiros.  Na USP, a maior universidade do país, dos mais de 92 mil estudantes, apenas 2% são estrangeiros e os docentes de outras nacionalidades são apenas 8,9% do total. A Unicamp tem 2,6% de alunos e 4,7% de professores estrangeiros, de um universo de mais de 40 mil alunos.

“A internacionalização permite sinergias e cooperação e a inovação pode trazer perspectivas que não estão presentes na dinâmica das IES. Esse encontro vai reunir conhecimento de novas tecnologias, que os professores podem utilizar na sala de aula, seus significados, funcionamentos, custos e impactos de inciativas que estão dando muito certo como o Centro de Empreendedorismo, os Fab Labs e Startups de várias IES”, adianta o diretor de Inovação e Redes do Semesp, prof. Fábio Reis. Segundo ele, “a inovação é uma das soluções em tempos de crise, porque além de trazer qualidade para as IES, traz novas perspectivas e ideias para prosperar com sustentabilidade”.

O evento será dividido em quatro debates. “Empreendedorismo e Startups” terá participação de Leandro Costa, coordenador do Centro de Empreendedorismo do Unisal de Lorena e Paulo Tomazinho, diretor do Comitê de EdTech da Associação Brasileira de Startups  e coordenador de projetos na Universidade Positivo. O segundo debate, sobre educação e tecnologia, conta com o professor Rafael Ávila, diretor de Inovação e mentor de startups do Grupo Anima e Fernando Domingues, diretor de Inovação e Novos Negócios do Eniac.

No período da tarde, Renée Zicman, diretora executiva da Faubai, Stefano Barra Gazzola, presidente do Grupo Educacional Unis e da Rede de Cooperação Internacional  e Elizabeth Balbachevscky, vice-coordenadora do Núcleo de Pesquisa sobre Políticas Públicas (NUPPs/USP), e associada ao  Higher Education Group (HEG), Universidade de Tampere, Finlândia vão contar suas experiências de como  internacionalizaram as IES onde atuam. O evento finaliza com a explanação do que é e como funciona um Fab Lab, com Heloisa Neves, professora do Insper e fundadora do WE FAB e Tauan Bernardo, diretor financeiro do Garagem Fab Lab. 

Serviço

Internacionalização e Inovação Acadêmica

Dia: 15 de Agosto

Horário: 09h30 às 18h

Local: Hotel Maksoud Plaza – Salão Brasil – Piso A

Endereço: Alameda Campinas, 150

Investimento: Associado – gratuito e Não-Associado – R$ 500,00

Inscrições

Programação 

08h30 – Credenciamento

09h – Abertura do Evento

Empreendedorismo e Startups – como fomentar a cultura empreendedora e as startups nas IES (significado, impacto, oportunidades e custos)

09h15 Leandro Costa – Coordenador do Centro de Empreendedorismo do UNISAL/Lorena

09h45 Paulo Tomazinho – diretor do Comitê de EdTech da Associação Brasileira de Startups  e coordenador de projetos na Universidade Positivo

10h15 – Debate

10h35 – Coffee-Break

Educação e Tecnologia – inovação, aprendizado e engajamento dos estudandos e custos

11h Rafael Ávila – diretor de Inovação e mentor de startups do Grupo Anima

11h30 Fernando Domingues – diretor de Inovação e Novos Negócios do Eniac

12h – Debate

12h20 – Almoço

Como fazer internacionalização – significado, impacto, oportunidades e custos (um case de sucesso: Unis)

14h Renée Zicman – diretora executiva da Faubai – Associação Brasileira de Educação Internacional

14h30 Stefano Barra Gazzola – presidente do Grupo Educacional Unis e da Rede de Cooperação Internacional

15h Elizabeth Balbachevscky – vice-coordenadora do Núcleo de Pesquisa sobre Políticas Públicas (NUPPs/USP) e associada ao  Higher Education Group (HEG), Universidade de Tampere, Finlândia

15h30 – Debate

15h50 – Coffee Break

O que é um Fab Lab? – significado, impacto, oportunidades e custos

16h10 Heloisa Neves – INSPER e WE FAB

16h40 Tuan Bernardo – Garagem Fab Lab

17h10 – Debate

17h30 – Encerramento

Sobre o Semesp:

Fundado em 1979, o Semesp – Sindicato das Mantenedoras de Ensino Superior  congrega mais de 200 mantenedoras no Estado de São Paulo e no Brasil. Tem como objetivo preservar, proteger e defender o segmento privado de educação superior, bem como prestar serviços de orientação especializada aos seus associados. Periodicamente, realiza uma série de eventos, visando promover a interação entre mantenedoras e profissionais ligados à educação. Dentre eles, destacam-se o Fórum Nacional: Ensino Superior Particular Brasileiro, o Congresso Nacional de Iniciação Científica e as Jornadas Regionais pelo Interior de São Paulo. Para saber mais, acesse http://www.semesp.org.br. Mídias Sociais: Facebook: https://www.facebook.com/semesp; Linkedin: https://www.linkedin.com/company/semesp e Twitter 18º FNESP: twitter.com/fnesp; 16º CONIC: https://www.facebook.com/ConicSemespOficial/?fref=ts 

 Atendimento à Imprensa:

Ana Purchio – Fone: (11) 2069-4419