O evento tem como objetivo promover o aperfeiçoamento das universidades na era digital, através da colaboração entre as áreas TIC das universidades brasileiras e destas com os seus pares Ibero-Americanos.

O I Encontro MetaRed Brasil acontecerá no dia 8 de outubro, na Universidade Cruzeiro do Sul, Campus Anália Franco, em São Paulo. O evento é a primeira ação da MetaRed no Brasil e promoverá a sinergia entre os responsáveis de tecnologias da informação e da comunicação (TICs) de universidades ibero-americanas com o objetivo de partilhar boas práticas, casos de sucesso e de realizar desenvolvimentos tecnológicos colaborativos.

“A MetaRed é uma iniciativa proveniente do IV Encontro Internacional de Reitores Universia, evento onde mais de 700 reitores de 26 países refletiram sobre a Universidade do Século XXI”, explica Hermes Ferreira Figueiredo, presidente do Semesp e da Universidade Cruzeiro do Sul, que foi escolhido também como presidente da MetaRed Brasil.

“Na carta publicada após o encontro, os reitores reforçaram especialmente o potencial da tecnologia para transformar o modelo educativo e operacional das universidades, assim como a importância de fortalecer as alianças e a colaboração entre as mesmas”, destaca Hermes.

Segundo Hermes, a irreversível transformação digital das universidades tem impacto em todas as suas áreas de atuação e é extremamente complexa para ser abordada de maneira individual por cada universidade, em cada país. “Entra aí a MetaRed, que se propõe a ajudar nessa transformação”, avalia.

Um dos destaques da programação do encontro será a palestram “Modernização da educação superior: tendências europeias e marcos de competência para professores universitários”, ministrada pela Dra Andreia Inamorato, do Centro Comum de Investigação da Comissão Europeia, órgão executivo da União Europeia.

Inamorato pesquisa inovação e competências digitais de professores universitários (Marco DigCompEdu), educação aberta (Marco OpenEdu), blockchain aplicado à educação e certificados digitais.  Sua atuação na Comissão Europeia visa a criação de ferramentas conceituais e práticas a partir de evidências científicas para apoiar a formação de políticas educacionais na própria instituição e nos 28 países que pertencem à União Europeia.

Confira a programação do I Encontro MetaREd Brasil

Além do Brasil, a iniciativa possui braços na Argentina, Chile, Colômbia, Espanha, México, Portugal e Peru. A rede segue a mesma metodologia de trabalho em todos os países, com grupos de trabalho divididos em quatro vertentes: Tecnologias Educativas, Análise, Indicadores e Governança em TI, Cibersegurança e Relação com Provedores.