Veículo: Folha de S. Paulo

Localidade: São Paulo/SP

Data de publicação: 12/08/2019

Apesar de a oferta de contratos de Fies (Financiamento Estudantil) passar por reduções e de a inadimplência no programa aumentar, o governo federal ainda não acionou os recursos de um fundo criado para cobrir calotes. Matéria tem como fonte o diretor Executivo do Semesp, Rodrigo Capelato.

Confira matéria na íntegra