Segundo análise feita pela Assessoria Econômica do Semesp – Sindicato das Mantenedoras de Ensino Superior, baseada no levantamento dos microdados do Caged – Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho, divulgados nessa sexta-feira (17) nos principais veículos do país, o resultado de 35.612 novas vagas de trabalho com carteira assinada em fevereiro só foi conquistado em função do aumento de vagas para profissionais com ensino superior.

“Na verdade, foram 37.394 novas vagas criadas para profissionais com nível superior (completo e incompleto). Se não fossem as admissões (48.113 vagas para ensino superior incompleto e 153.453 mil para superior completo) e um menor desligamento do emprego (46.721 dispensas para postos de trabalho com ensino superior incompleto e 116.059 para superior completo), esse saldo total não seria tão positivo”, diz Rodrigo Capelato, diretor executivo do sindicato.

Os microdados revelam que quanto menor o nível de ensino dos candidatos, maior o saldo do desemprego. “As maiores quedas nos postos de trabalho foram para profissionais que tem até a 5ª série incompleta (15.445 vagas, sendo o saldo das 31.766 admissões contra 47.211 demissões). E o ensino médio completo, embora tenha criado 21.907 novas vagas, teve um saldo de desligamentos bem alto: 647.292 postos contra 669.169 admissões”, finaliza.

Sobre o Semesp – Fundado em 1979, o Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos de Ensino Superior no Estado de São Paulo – Semesp congrega cerca de 200 mantenedoras no Estado de São Paulo e no Brasil. Tem como objetivo preservar, proteger e defender o segmento privado de educação superior, bem como prestar serviços de orientação especializada aos seus associados. Periodicamente, realiza uma série de eventos, visando promover a interação entre mantenedoras e profissionais ligados à educação. Dentre eles, destacam-se o Fórum Nacional: Ensino Superior Particular Brasileiro, o Congresso Nacional de Iniciação Científica e as Jornadas Regionais pelo Interior de São Paulo. Para saber mais, acesse www.semesp.org.br/portal/  www.facebook.com/semesp/ https://www.linkedin.com/company/semesp.

 

Atendimento à imprensa:

 

Ana Purchio

(11) 2069-4419 / imprensa@semesp.org.br

Cel. (11) 4208-7576