PESQUISA INADIMPLÊNCIA | 2013

A sétima Pesquisa de Inadimplência realizada pelo Semesp com as instituições de ensino superior privadas, apontou que a inadimplência ficou praticamente estável no setor em todo o Brasil, até com o registro de uma pequena queda no Estado de São Paulo. O resultado é considerado surpreendente, uma vez que a inadimplência dos demais setores da economia, medida pelo Banco Central, apresentou ligeiro aumento. Mesmo assim, a inadimplência do setor de educação superior privada ainda permanece um pouco acima da inadimplência total
das pessoas físicas.

O levantamento, que engloba o ano de 2012, foi desenvolvido pela Assessoria Econômica do Semesp através do SINDATA – Sistema de Informações do Semesp, e os resultados mostram um índice de inadimplência de 8,43% para o setor, contra 8,00% do índice geral, que, ao contrário do ensino superior, subiu em 2012.

A pesquisa do Semesp traz dados sobre o ano de 2012 em comparação com 2011 sob diversos aspectos, como por localidade (Brasil, Estado de São Paulo, Região Metropolitana e Interior), por porte (pequeno, médio e grande) e por diferentes períodos de atraso (até 30 dias, até 90 dias e acima de 90 dias), oferecendo um retrato bem detalhado dos índices de inadimplência.

Leia a pesquisa completa para mais informações.

Fazer download